Os cuidados dermatológicos que melhoram o seu dia a dia

Quais são os vários tipos de manchas pigmentares?

Os nossos peritos respondem às suas perguntas mais frequentes.

O “pano da grávida”
Designado também por “melasma”, ocorre com frequência nas mulheres grávidas. Afeta o rosto (testa, maçãs do rosto, lábios superiores). É provocada pelo sol cujos efeitos sobre a pele são potenciados pelas hormonas produzidas abundantemente durante a gravidez. Porém, para se ter melasma não é necessário estar-se grávida. Pode também ser promovido pela toma de estrogénios (pílula) ou até ocorrer nos homens após uma exposição solar.

Manchas de envelhecimento.
Designadas também por “lentigo solar”, aumentam em número e tamanho à medida que a idade avança. Aparecem sobretudo nas costas das mãos, mas também no rosto, pescoço, decote e pernas.

Manchas residuais pigmentadas
Qualquer inflamação da pele pode deixar sequelas pigmentares inestéticas. Por exemplo, é o caso de uma doença muito frequente como a acne. Evidentemente, são ampliadas no caso de exposição solar.

Tez irregular
A tez pode apresentar uma pigmentação irregular que caracteriza o fotoenvelhecimento provocado por grandes exposições aos UV.

0
Ainda sem votos
AVALIE ESTE ARTIGO >