Os cuidados dermatológicos que melhoram o seu dia a dia

O que comer para limitar a queda dos cabelos?

Controlar a composição do seu prato também é importante para lutar contra a queda dos cabelos. Simplesmente porque as vitaminas e os minerais contidos na alimentação têm um papel fundamental na fisiologia do cabelo. 

Queda de cabelo e alimentação: por que estão ligadas?

Atenção às falsas ideias sobre a queda de cabelo. Se a alimentação não é diretamente responsável pela queda, ela pode, no entanto, influir bastante no fenómeno, de forma positiva ou negativa. De fato, as vitaminas e minerais têm um papel essencial no ciclo capilar. E, particularmente na renovação das células do bulbo folicular que têm um ritmo de divisão rápido. Um aporte insuficiente de vitaminas, proteínas e minerais (nomeadamente em caso de desequilíbrio alimentar ou regime) pode estar na origem de uma alopécia.

Estes elementos essenciais fazem parte de uma alimentação dita “normal”. Eles são benéficos ao organismo em regra geral. No caso específico do couro cabeludo, eles servem de reforço dos folículos pilosos. Mas, nem todos os alimentos têm o mesmo valor e, para fazer bem ao seu corpo e melhor viver com a alopécia, você deve privilegiar certas famílias de alimentos.

Alimentos antiqueda de cabelo: quais são eles?

Entre aqueles chamados e classificados na categoria “alimentos contra a queda de cabelo”, encontram-se os alimentos contendo proteínas, inclusive os aminoácidos enxofrados como a metionina e a cisteína, ferro, oligoelementos como o zinco e o magnésio e, evidentemente, as vitaminas do grupo B. Esses elementos são essenciais para o organismo e benéficos para o crescimento, o espessamento e a robustez dos cabelos. Infelizmente, com a idade, eles são mais dificilmente absorvidos.

A lista de compras indispensável e os alimentos contra a queda de cabelo:
  • As lentilhas e a gema de ovo são ao mesmo tempo ricos em proteínas, em vitamina B, em ferro, em enxofre e em zinco.
  • Muitas proteínas graças à soja, aos feijões, à carne e ao queijo.
  • Recarregue sua taxa de vitamina B e de magnésio com legumes secos, peixe, banana e abacate.
  • Faça subir seu ferro e zinco com a carne vermelha, o trigo completo e os frutos do mar (mexilhões, ostras, amêijoas).
A melhor alimentação contra a queda de cabelo feminina é feita de produtos frescos, de frutas e de legumes.

Em complemento a essas soluções dietéticas, pense também em massagear todas as noites o seu couro cabeludo com a ponta dos dedos para estimular a microcirculação e ajudar essas vitaminas e minerais a penetrar na fibra dos cabelos.

Enfim, ter bem em mente que todos esses alimentos devem fazer parte de uma alimentação equilibrada na sua totalidade!

Nossas rotinas de cuidado

 
A minha rotina antiqueda de cabelo Mulher (menos de 6 meses)

Ação sobre a queda de cabelo ocasional (causas: stress, fadiga, pós-parto, mudança de estação….)

Teste esta rotina A minha rotina antiqueda de cabelo Mulher (menos de 6 meses) > Ver a minha rotina
Ver todas as rotinas de cuidados