Os cuidados dermatológicos que melhoram o seu dia a dia

Cabelos finos: o que é preciso saber para evitar a queda

A fibra capilar dos cabelos finos é menos espessa do que a normal. Resultado: sensível e mais frágil, este tipo de cabelo tem tendência a cair mais facilmente (ao longo do envelhecimento capilar, este tipo de cabelo fino é um fator agravante).

O que torna os cabelos finos?

Você não tem os cabelos finos por natureza, mas você vê que eles estão se tornando? Este problema de perda de volume pode ter várias origens. Quando os cabelos não são finos por causa de um terreno hereditário, a primeira coisa a fazer é observar mais de perto como é o seu dia a dia e nomeadamente sua higiene de vida. Por exemplo, sua alimentação será suficientemente equilibrada para fornecer à fibra capilar aquilo que ela precisa para crescer bem? O afinamento do cabelo pode ser o fruto de uma carência de vitaminas e minerais. Outros fatores podem ser citados: a utilização muito frequente do secador de cabelo ou do ferro de alisar, uma microcirculação sanguínea que não seja muito boa ao nível do couro cabeludo, um envelhecimento capilar… Note também que o aparecimento brutal e repentino de cabelos finos e sem volume pode ser um dos sintomas da queda de cabelo.

Cabelos finos no homem e queda: qual a ligação?

A queda de cabelo é um fenómeno fisiológico normal, na condição de que a perda não exceda 60 cabelos perdidos por dia. Esses últimos são cabelos em fase telógena, ou seja, cabelos mortos que se desprendem naturalmente do folículo piloso.

Quando o ritmo natural do ciclo capilar é perturbado, cabelo muito fino e queda estão mais do que nunca ligados, nomeadamente no caso da alopécia androgenética. De fato, por causa da presença excessiva de hormonas andrógenas, a renovação do cabelo se faz muito rápido (por causa da aceleração do ciclo capilar) e o couro cabeludo não consegue acompanhar. Além do mais, sob o efeito das hormonas andrógenas, observa-se uma miniaturização do bulbo que gera o nascimento de cabelos cada vez mais finos. Consequência: esta queda de cabelo crónica evolui para uma miniaturização do cabelo e assim uma diminuição da densidade capilar. A observar que este processo que acontece em cabelos já finos por natureza só faz acentuar sua finura e fragilidade.